APRESENTAÇÃO

O projeto CCMar, da Universidade Federal do Rio Grande e financiado pelo BNDES, atende a jovens estudantes entre 14 e 17 anos em situação de vulnerabilidade sócio-econômico-ambiental da cidade do Rio Grande, principalmente aqueles provenientes de comunidades carentes, no sentido de motivar uma transformação que os encaminhe a uma participação solidária e fraterna.

O Centro de Convívio dos Meninos do Mar em consonância com a própria função institucional da FURG assume como missão:

"Promover a educação plena, enfatizando uma formação geral que contemple a técnica e as humanidades, que seja capaz de despertar a criatividade e o espírito crítico, fomentando as ciências, as artes e as letras e propiciando os conhecimentos necessários para o desenvolvimento humano e para a vida em sociedade" (Projeto Político-Pedagógico, 2004, p.14).

O Centro de Convívio dos Meninos do Mar assume como missão precípua:

"Ratificar a desejada educação plena, através do intento de formação integral de jovens em situação de vulnerabilidade sócio-econômico-ambiental da cidade do Rio Grande, atendendo a vocação regional para as ações desenvolvidas no ecossistema costeiro com ênfase na mentalidade marítima e na inserção do jovem no mundo do trabalho".

Nesta perspectiva, a metodologia desenvolvida nos cursos e ações propostas no projeto do centro tem como orientação os princípios da Educação Ambiental: a solidariedade, a cooperação, respeito, o diálogo e o cuidado (Barcelos, 2003), promovendo ao mesmo tempo o desenvolvimento das competências técnicas e a construção de valores sociais relevantes à formação cidadã de cada jovem participante.

O cumprimento da proposta e das atividades de inclusão social do CCMar ocorrem a partir da oferta de cursos básicos pré-profissionalizantes voltados para as necessidades da região e também dando ênfase especial a um despertar de vocações marítimas, promovendo assim, competências profissionais e humanas para ajudar na inserção ao mercado de trabalho e alternativas de geração de renda de forma autônoma.

JUSTIFICATIVA

O presente Projeto Político-Pedagógico Pré-Profissionalizante possui como espaço para o desenvolvimento de suas ações pedagógicas e profissionalizantes a estrutura do "Centro de Convívio dos Meninos do Mar" - CCMar / FURG, um centro concebido e projetado no âmbito do Museu Oceanográfico "Professor Eliézer de C. Rios" em 1986 e em 2008, torna-se realidade.

O Museu Oceanográfico foi fundado em 08 de setembro de 1953 e integra o Complexo de Museus e centros associados da FURG, do qual fazem parte o Museu Náutico, o Eco-Museu da Ilha da Pólvora o Museu Antártico e o CRAM - Centro de Recuperação de Animais Marinhos.

O Museu Oceanográfico desenvolve desde sua fundação, a pesquisa o ensino e a extensão, divulgando o conhecimento sobre a vida e a dinâmica dos oceanos, bem como promove a exposição pública sobre a biodiversidade dos oceanos, com destaque aos aspectos regionais e mobiliza a comunidade para a preservação do meio ambiente.

O CCMar / FURG, financiado pelo BNDES, estruturou-se com a finalidade de atender, sobretudo, aos jovens de 14 a 17 anos da cidade de Rio Grande que se encontram em situação de vulnerabilidade sócio-econômico-ambiental.

Considerando nosso o sentimento de responsabilidade e compromisso social, o projeto político-pedagógico do CCMar prevê o princípio da reversão destas desigualdades, promovendo ações que motivem e transformem o horizonte imediato destes jovens e os encaminhem para uma participação social com uma inserção crítica, solidária e fraterna em suas dinâmicas enquanto sujeitos sociais e históricos, principalmente no que tange às suas relações com o mundo do trabalho.

OBJETIVOS GERAIS

  • Atender aos jovens em situação de vulnerabilidade sócio-econômico-ambiental da cidade do Rio Grande, principalmente aqueles provenientes de comunidades carentes, no sentido de motivar uma transformação que os encaminhe a uma participação social, solidária e fraterna;
  • Engajar através do desenvolvimento da mentalidade marítima, os jovens em ações voltadas para o aprendizado e a respeitosa intervenção no ecossistema costeiro;
  • Favorecer o aprendizado de ofício(s) e quiçá, a profissionalização dos jovens, em saberes e fazeres relacionados à contemporaneidade do mundo do trabalho;
  • Contribuir para o pleno desenvolvimento das competências pessoal, social, produtiva e cognitiva, dos jovens, através de um processo de formação integral, tendo como principais referenciais às aprendizagens desenvolvidas durante as oficinas, espaços e tempos de convivência no próprio Centro.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Educar para relações inter-pessoais e sociais;
  • Despertar atitudes e competências para o labor autônomo, empresarial e esportivo;
  • Incentivar a permanência no ambiente educacional para fins de conclusão da educação de ensino fundamental e médio;
  • Incentivar a formação em atividades profissionais relativas às necessidades de mão-de-obra voltadas para o Mar;
  • Formar jovens para o exercício de atividades profissionais visando sua inserção no mercado de trabalho.

PÚBLICO ALVO

Meninos e Meninas com idade de 14 a 17 anos, expostos aos riscos de vulnerabilidade social, tais como: marginalidade, adesão á drogas, prostituição, abandono familiar. Estes jovens serão oriundos de grupos familiares com renda de um a um e meio salário mínimo, que estejam freqüentando a escola, independentemente da série e moradores de áreas urbanas periféricas com alto índice de pobreza.

AÇÕES PROPOSTAS

DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA

Possibilitar, aos jovens, a compreensão/reflexão da realidade sócio-político-ambiental na qual está inserido e sua relação com o mundo do trabalho, permitindo-lhes uma formação que priorize a cidadania e a defesa dos direitos humanos.

COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO

Criar situações de leitura e escrita, a partir de contagem de estórias de personagens da literatura das narrativas das histórias de vida dos participantes, valorizando e respeitando as diferenças das experiências de cada um na construção da identidade e da cidadania.

MEIO AMBIENTE

Propor discussões acerca de conceitos do senso comum sobre ambiente e natureza, superando-os e conscientizando os jovens do seu o papel nas interações do meio ambiente.

CULTURA

Valorizar as expressões artísticas de cada um, através de um espaço que valoriza a ação criadora individual e coletiva.

TRABALHO, TECNOLOGIA E PRODUÇÃO

Desenvolver a aprendizagem de habilidades referentes ao mundo do trabalho bem como de ferramentas utilitárias ao ingresso, permanência e contínua reflexão no mercado contemporâneo, além de estimular nos adolescentes o desenvolvimento da mentalidade marítima.

SAÚDE

Explorar a multiplicidade existencial como forma de compreensão da complexidade humana na relação dos adolescentes com seu corpo físico e social, possibilitando a construção de uma consciência de saúde e qualidade de vida.